29 de outubro de 2014

gg

A Petrobras decidiu e informou ontem, 28, em reunião de conselho, que os preços da gasolina e do diesel aumentarão 4% e 8% respectivamente, nesta sexta, meia noite. No bolso do consumidor o aumento deve ser menor, o aumento mostrado nas bombas será entre 2 e 2,5%, segundo cálculos do economista Fábio Romão, economista da LCA Consultores.

Em setembro, Guido Mantega, ministro da Fazenda já havia anunciado um aumento programado para este ano. Na ocasião, a alta foi avaliada como insuficiente para aliviar a pressão sobre o caixa da estatal, que precisa importar combustível para atender o mercado interno. Ao ser perguntado sobre o reajuste, Mantega disse que “todo ano, pode ter um ou dois aumentos de gasolina. Não tem regra fixa”.

Motivação do aumento
O governo espera que o anúncio acalme o mercado financeiro em breve. A idéia é aplacar o mau humor do mercado e atender às necessidades de recomposição de caixa da Petrobras em uma só tacada.

Reajuste insuficiente
Para o analista do Centro Brasileiro de Infraestrutura (CBIE), Adriano Pires, os reajustes darão um fôlego limitado à companhia, melhorando o resultado do primeiro trimestre, de forma insuficiente para resolver seus problemas de caixa.
Fonte: Estadão, O Globo, O Estado de Minas

JH NET jardel

Postado por Blog Cardoso Silva
Categorias: Brasil
GOVERNO  NOVO
Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga nossas Redes Sociais
O que você procura?
Previsão para Caicó/RN
15/07 Seg
Máxima.: 34°c
Minima.: 23 °c
Chuva: 0mm
Probabilidade: 0%
Sol com algumas nuvens. Não chove.
União Play
Publicidade