9 de julho de 2017

 

A Polícia Federal desarticulou um esquema criminoso que visava realizar saques fraudulentos em contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Dezessete pessoas foram presas em flagrante quando faziam saques em agências da Caixa Econômica Federal no Rio de Janeiro.

Cerca de 160 policiais federais participantes da ação, batizada de Operação Pescaria, em conjunto com a Gerência de Segurança da Caixa. As investigações indicam que os criminosos se dirigiam diretamente aos caixas de autoatendimento e confirmavam os dados necessários para os saques, se passando pelos reais beneficiários. Para prender os criminosos, os policiais monitoraram 65 agências em vários municípios do estado do Rio de Janeiro.

Postado por Cardoso Silva
Categorias: Brasil, Policial
Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga nossas Redes Social
O que você procura?
Previsão para Caicó/RN
Publicidade