29 de setembro de 2014

No próximo domingo, o eleitor vai levar, em média, 1 minuto e 14 segundos para votar na urna eletrônica. A estimativa é do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e leva em conta o tempo que o eleitor se identifica perante o mesário até o instante em que confirma o último voto. Nestas eleições gerais, 2.327.451 potiguares estão aptos a exercer o direito de votar. Segundo o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RN), o resultado final será revelado às 23h do dia 5 de outubro, ou seja, seis horas após o enceramento da votação.

Faltam sete dias para as eleições 2014 e o ritmo de trabalho foi intensificado no TRE-RN. Ao todo, 8.557 equipamentos eletrônicos estão a disposição para serem utilizados nas 69 zonas eleitorais do Rio Grande do Norte. São 1.560 locais de votação, 6.963 seções eleitorais e 28.236 mesários envolvidos na operação.

Pela primeira vez, o sistema biométrico será utilizado na capital do Estado e em Mossoró. Além destes, mais 47 municípios também contam com o sistema de identificação do eleitor. Por causa desta novidade, a diretora geral do TRE-RN, Ana Esmera, estima que a votação será encerrada somente após às 17h e, consequentemente, vai atrasar a compilação de todos os dados. “Na verdade, a demora vai acontecer na identificação do eleitor. Será a primeira vez que utilizamos o sistema biométrico no universo de 52% do eleitoral potiguar”, contou.

A estimativa de 1m14s definida pelo TSE é baseada no pleito de 2010. Há quatro anos, os eleitores tiveram de escolher um candidato a mais do que em 2014. Votou-se para eleger dois senadores. Neste ano, vota-se apenas para escolher um. No próximo domingo, os brasileiros votarão para deputado estadual ou distrital, deputado federal, senador, governador e presidente da República. Ao todo, o eleitor digitará 16 números na urna. Em 2010, a média de período de votação do eleitor na cabine foi de 1 minuto e 8 segundos.

Para não atrasar a votação e facilitar na hora de usar a urna, Ana Esmera aconselha os eleitores a levarem os números de seus candidatos anotados em um papel. A conhecida “cola” está liberada, desde que não estampe propaganda de qualquer candidato. “É importante que o eleitor tenha essa facilidade na hora do voto. Nós teremos que votar cinco vezes e são 16 números, ao todo. Com a cola, fica mais fácil”, avisou.

Postado por Blog Cardoso Silva
Categorias: Brasil, Eleições 2014
FAO
Comentários
  1. Santhiago disse:

    1 minuto e 14 segundos é pouco tempo.. mas eu acredito nas novas mudanças e num Brasil melhor!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga nossas Redes Sociais
O que você procura?
Previsão para Caicó/RN
23/05 Qui
Máxima.: 33°c
Minima.: 24 °c
Chuva: 6mm
Probabilidade: 90%
Sol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.
União Play
Publicidade