22 de abril de 2014
 junior
De acordo com resultado de exame de corpo delito, divulgado pelo Itep, e feito na menina de 11 anos supostamente abusada pelo comerciante caicoense Ermite Alves Correira Júnior, 52 anos, popularmente conhecido como Júnior do Vuco-Vuco, não houve conjunção carnal entre vítima e acusado. O resultado não isenta Júnior, caso haja provas, de continuar a responder pela acusação, já que entende-se por estupro de vulnerável não somente a prática de conjunção carnal mas  qualquer outro ato libidinoso com menor de 14 anos.  A pena estabelecida na Lei 12015 de 2009, para essas situações, é de oito a quinze anos de prisão. O comerciante continua preso.v&c
Banner-Blog-507x67-(robson-pires)
Postado por Blog Cardoso Silva
Categorias: Sem categoria
GOVERNO  NOVO
Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga nossas Redes Sociais
O que você procura?
Previsão para Caicó/RN
25/05 Sáb
Máxima.: 34°c
Minima.: 24 °c
Chuva: 0mm
Probabilidade: 0%
Sol com algumas nuvens. Não chove.
União Play
Publicidade